Teste de visão – Porque é importante?

Os nossos olhos permitem vermos e interpretamos o mundo, nesse sentido podemos dizer que são um dos nossos orgãos mais importantes.

Assim cuidar dos bem dos olhos é fundamental para mantê-los saudáveis e termos uma visão mais nítida e confortável possível.

A alimentação, o estilo de vida, a exposição às intempéries, a idade entre outros fatores influência o nosso corpo e, também os nossos olhos.

Muitas pessoas não avaliam regularmente o estado dos seus olhos, o que é importante para garantir uma visão de qualidade. Os nosso olhos e o estado da nossa visão evoluem constantemente conforme o tempo vai passando e muitas vezes não nos apercebemos deste processo.

Nem sempre o primeiro sinal de que a nossa visão está a perder qualidade é ver desfocado. Este problema pode manifestar-se de outras formas, como por exemplo, dores de cabeça, ou cansaço ao final do dia.

Fazer um Teste Visual

Sabemos que ter uma melhor visão é sinónimo também de uma melhor qualidade de vida, sendo a nossa visão um dos principais sentido que temos, está na hora de começar a cuidar bem dos nossos olhos.

Numa época em que cada vez se fala mais nos cuidados de saúde preventivos, realizar testes de visão de forma regular, junto de um especialista da visão, deveria ser um hábito regular.

Em geral e partindo do um princípio que não existem problemas de visão previamente diagnosticados, qual a periodicidade em que as pessoas deveriam avaliar o estado da sua visão?

Nos adultos (se não existirem problemas de visão diagnosticados ou conhecidos):

  • Dos 20 e os 39 anos, pelo menos três vezes durante esse período de tempo;
  • Após 40 anos: uma vez em cada 2 a 3 anos;
  • Após 65 anos: uma vez em cada 1 a 2 anos.

Nas crianças dada a sua fase de crescimento devem consultar regularmente um oftalmologista para testar a sua visão:

  • 1º exame: entre os 2 e os 3 anos e meio, o mais tardar;
  • 2º exame: antes de entrarem para a escola;
  • Após o segundo exame, em cada 2 anos – mesmo que não se verifique nenhum problema de visão evidente – de forma a garantir que caso aparecam sinais de alerta que apontem para uma deterioração da visão, estes possam ser detectados numa fase precoce;
  • Os bebês prematuros e todas as crianças que tenham pais ou irmãos que tenham estrabismo ou graves deficiências de visão devem ser examinados o mais cedo possível – de preferência entre os 6 e os 12 meses de vida, e a partir daí regularmente.

Tipos de Testes Visuais

– Teste de Acuidade Visual

Este é o teste mais comum e que todos os utilizadores de óculos o conhecem. Neste teste, é pedido para ler diferentes tamanhos de letras ou números, ou identificar a orientação da abertura de um anel (anel de Landolt). O especialista da visão também verifica qual o tamanho dos elementos que consegue identificar sem dificuldade e de forma confortável. Um processo conhecido como “refracção subjectiva” é realizado através da inserção de diferentes potências dióptricas, isto enquanto o paciente dá indicações de como vê melhor ou pior com cada uma das lentes. Depois o especialista irá optimizar a graduação, em cada um dos olhos individualmente. Posteriormente verifica a interacção entre ambos os olhos, usando testes binoculares.

– Teste de Sensibilidade Visual ao Contraste

Este teste é muito importante para avaliar o conforto visual. Pode-se sentir cansaço visual em resultado da dificuldade de distinguir as diferenças no contraste.

Por exemplo, quando se olha para monitores com o contrate mal ajustado, ou se tenta ler com pouca luz, estamos a verificar a sensação da nossa sensibilidade ao contrate.

A avaliação do sensibilidade visual ao contraste é importante porque permite identificar possíveis alterações que a visão possa ter sofrido. Se se verificarem alterações na sensibilidade visual ao contraste, podemos verificar indícios de glaucoma.

– Teste da Visão das Cores

Este teste permite percepcionar o distúrbio da visão das cores, conhecido também por daltonismo. Verifica-se que este tipo de problemas afecta mais homens do que mulheres. Existem 3 tipos de daltonismo:

  1. Daltonismo
  2. Daltonismo parcial
  3. Daltonismo completo

No diagnóstico deste problema de visão, podem ser utilizados diferentes testes: placas pseudoisocromáticas, teste de Farnsworth e o anomaloscópio de Nagel.

– Avaliar o Astigmatismo

O que é o astigmatismo? É um tipo de erro refractivo, no qual o ponto focal não é distribuído de forma uniforme ao longo dos meridianos. O astigmatismo pode mudar, por exemplo com a idade. Alguns dos sintomas que se podem verificar na existência de astigmatismo são: cansaço visual, dores de cabeça e dificuldade em conduzir à noite.

O astigmatismo pode ser corrigido com óculos ou lentes de contacto.

Para fazer a avaliação do Astigmatismo, utiliza-se um símbolo que contém grupos de linhas pretas com várias orientações diferentes. Estas linhas foram especialmente concebidas para aparentarem ter várias tonalidades de cinzento, quando os olhos manifestam algum grau de astigmatismo. A sua tarefa é indicar se no exame vê as várias tonalidades de preto, sendo este um sinal precoce de astigmatismo.  

– Avaliação do Campo Visual

O campo visual, descrito como o espaço no qual é possível perceber a luz e reconhecer objectos, pode vir a ser limitado derivado a várias doenças oculares, em especial, doenças de causas neurológicas. Estes problemas também podem vir a agravar-se de forma gradual e o campo visual ser afectado com o tempo. Por exemplo, é importante ter um campo visual central intacto, para poder ler um livro ou trabalhar num escritório. O campo visual periférico dá-nos informações importantes, como por exemplo quando conduzimos um carro.

A avaliação do campo visual, realiza-se através da análise de uma grelha com um ponto de fixação central e foi concebida com base no teste de Amsler, muito utilizado no contexto clínico. Este teste realiza-se a uma distância de cerca 30 cm e tem o objetivo de detectar problemas com o campo visual central. As irregularidades manifestam-se na grelha sob a forma de linhas distorcidas, em falta ou interrompidas. 

Fazer um exame visual gratuito

Numa das nossas lojas da Fábrica dos Óculos Original, irá encontrar técnicos especializados e optometristas certificados, onde poderá fazer o seu exame visual.

Marque já o seu exame visual gratuito aqui!

Artigos Relacionados

Lentes progressivas e fadiga Ocular pela utilização digital

A fadiga ocular digital é um problema atual que surgiu com a evolução da sociedade moderna e a nossa crescente dependência de dispositivos digitais. Passamos longas horas em frente a ecrãs de televisões, computadores, tablets e smartphones, tanto no trabalho quanto em casa.

Óculos New Balance

Os óculos New Balance unem estilo desportivo e a qualidade, oferecendo designs modernos e funcionais para quem valoriza conforto e performance no dia a dia. Com materiais de alta qualidade e detalhes inovadores, os óculos New Balance são uma escolha confiável para aqueles que procuram óculos versáteis que combina moda e funcionalidade.